Dúvidas mais frequentes sobre prótese de silicone

Conheça melhor a Dra Karin Sumino
31.01.2019
O que é a abdominoplastia?
14.02.2019

Uma das cirurgias plásticas mais desejadas pelas mulheres é a colocação de prótese de silicone nas mamas. Afinal, ter seios grandes e firmes ajuda a elevar a autoestima.
No entanto, por se tratar de uma cirurgia, é necessário ter os devidos cuidados e sempre surgem muitas inseguranças e dúvidas. Nesse post, iremos esclarecer as dúvidas mais frequentes de quem pensa ou deseja colocar prótese de mama.
Se esse assunto lhe despertou interesse, continue lendo!

 

Poderei amamentar depois que colocar prótese de mama?

Esta é uma dúvida bastante comum em mulheres que pensam em ter filhos futuramente. Se você for submetida a uma simples colocação de prótese sem necessidade de manipular a glândula, você poderá amamentar o seu filho normalmente. Isso porque as próteses de silicone por si só não interferem no aleitamento materno.
Já em casos em que é feita também a Mastopexia (elevação das mamas flácidas), pode ocorrer alguma dificuldade na amamentação futuramente.

 

Preciso fazer a troca da minha prótese? Quando?

Depende da marca das próteses. Hoje em dia existem próteses que possuem garantia vitalícia, ou seja, não possuem um prazo máximo para realizar a troca das próteses.
Existem mulheres com próteses há mais de 18 anos por exemplo, que não apresentam nenhum sintoma e fazem seus exames de rotina sem nenhuma alteração. Nesses casos, não há obrigatoriedade de trocar as próteses.
No caso em que a prótese esteja oferecendo risco à saúde do paciente ou teve algum tipo de problema, a troca é necessária imediatamente, independente se faz meses ou vários anos da primeira cirurgia.

 

O que acontece se eu não trocar minha prótese no tempo certo?

Quando a prótese não é trocada no período recomendado, pode haver rupturas que gerarão pequenos vazamentos do silicone, os quais causarão inflamações nos tecidos vizinhos.
Se a inflamação não for devidamente tratada, ela pode piorar e se espalhar, colocando em risco a saúde do indivíduo.
A contratura capsular é outra situação que pode obrigar a mulher a trocar ou retirar as próteses, e isso se apresenta através de endurecimento das mamas, podendo progredir até para deformidades e dor nas mamas.
Se a paciente apresentar qualquer sintoma, deve procurar o cirurgião plástico para avaliar se há algum problema com as suas próteses.

 

Como sei qual é o tamanho de prótese ideal para mim?

É muito importante ressaltar que o tamanho da prótese que a amiga ou a atriz famosa colocou pode não servir para você, certo?
No momento em que for escolher sua prótese de mama, o cirurgião fará uma avaliação para saber o seu tipo físico, altura, peso e tamanho do tórax. Tudo isso será levado em consideração na hora de escolher o tamanho ideal de sua prótese.
As próteses têm marcas, tamanhos, tipos, dimensões de largura e projeções diferentes e o cirurgião precisaria saber de tudo isso para escolher o melhor tipo de prótese para você.

 

Vou ficar com cicatriz após a cirurgia?

Qualquer procedimento cirúrgico deixará algum tipo de cicatriz. Porém, nesse procedimento as cicatrizes são bem disfarçadas. Além disso, são feitas em locais cuidadosamente escolhidos para que se tornem quase imperceptíveis.
Em casos em que há necessidade de realizar uma Mastopexia (para elevar as mamas caídas), as cicatrizes costumam ser maiores, podendo ser em formato de T invertido, periareolar ou vertical.

 

As próteses de mama podem causar algum mal à minha saúde?

Não existe nenhuma prova cientifica de que as próteses de silicone causem carcinomas à paciente.

 

Muitas mulheres, depois que colocaram suas próteses, estão mais satisfeitas com seu corpo, o que as torna mais seguras e felizes. Venha fazer parte deste time! Procure um cirurgião plástico de confiança e registrado na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Whatsapp Chat